Qual é o melhor óleo para fritura?Qual é o melhor óleo para fritura? Descubra aqui!

Todo mundo sempre escuta que frituras devem ser evitadas, não é mesmo? No entanto, se consumidas com moderação, elas são complementos deliciosos para as refeições. Para que elas não sejam muito prejudiciais para a saúde, é preciso procurar o melhor óleo para fritura. Vamos mostrar para você as melhores opções no mercado e, de quebra, ainda explicaremos por que elas são as melhores e quais óleos você deve evitar. Confira!

 

Óleo de Coco Extra Virgem da Copra

Óleo de Coco Extra Virgem CopraO óleo de coco tem sido um assunto polêmico nos últimos tempos, pois, ao mesmo tempo que é amado por uns, é odiado por outros. Muito se diz sobre seus benefícios miraculosos e também sobre os seus terríveis malefícios. Dito isso, ele não deveria estar aqui neste post, certo? Errado!

Escolhemos o óleo de coco como uma ótima opção de melhor óleo para fritura pela sua capacidade de manter a sua qualidade. Um estudo comprovou que o óleo de coco não perde a sua qualidade mesmo depois de 8h de fritura contínua a 180°C.

Isso quer dizer que o óleo de coco não oxida. O seu ponto de fumaça, no entanto, não é alto, sendo mais indicado para frituras em que não seja necessária a submersão. Outro ponto a favor é que o óleo de coco possui altos níveis de ácido láurico, que ajuda a aumentar o nível de HDL, o colesterol “bom”.

No entanto, ele possui sabor, o que nem todo mundo gosta. Até existem opções sem sabor no mercado, mas esses óleos não são extra virgem.

O óleo Copra é indicado aqui, pois:

  • Não possui adição de açúcares e adoçantes;
  • É livre de corantes artificiais;
  • É livre de conservantes.

Azeite de Oliva Extra Virgem Cocinero

Azeite de Oliva Extra Virgem CocineroO azeite de oliva é rico em gorduras monoinsaturadas. Isso o torna uma opção muito saudável na hora de cozinhar. Ele é a base da dieta mediterrânea, que é notoriamente conhecida por reduzir o risco de doenças coronárias e mortes precoces.

O azeite, no entanto, não possui muita resistência a temperaturas mais altas, tendo seu ponto de fumaça em apenas 180°C. Ele não é indicado para frituras em imersão, por exemplo. Até porque, usar uma grande quantidade de azeite para fritar salgadinhos certamente onerará o seu orçamento.

Para pratos como frangos e peixes, ele é o melhor óleo para fritura. O seu sabor certamente agregará mais ao prato. Uma alternativa para o azeite de oliva é o óleo de abacate, pois possui propriedades similares.

O azeite de oliva Cocinero é um dos azeites aprovados pelo Ministério da Agricultura (em avaliação de Maio/2018). Indicamos ele pois, além de qualidade, ele possui um preço mais em conta.

Ghee Lotus

Ghee LotusA “ghee” é a palavra hindi para manteiga e nada mais é do que um tipo de manteiga clarificada. Produzida em temperaturas brandas e sem sal em sua composição, é o melhor óleo para fritura para quem não é vegano.

A manteiga clarificada, ou a famosa manteiga de garrafa, surge quando se aquece a manteiga normal em temperatura adequada até que ela se separe da água e outros componentes sólidos do leite.

Já na produção de ghee, a gordura é cozida com os sólidos do leite durante um tempo antes de ser filtrada. Isso faz com que sua aparência seja levemente mais escura que a manteiga clarificada e seu sabor seja um pouco mais amendoado.

Por ser uma gordura saturada, a ghee aguenta temperaturas bem altas, tendo o seu ponto de fumaça em 220°C. Ela também é praticamente livre de lactose e possui alta quantidade de ácidos graxos de cadeias curta e média, além das vitaminas A, D e E.

As ghees da Lotus são produzidas a partir de leite de qualidade e livre de antibióticos. Também podem ser encontradas em versões temperadas e orgânica certificada.

O que você deve saber para escolher o melhor óleo para fritura?

Para entender melhor o que você deve considerar na hora de comprar um óleo para as suas frituras, explicamos alguns itens essenciais.

Ponto de Fumaça

O ponto de fumaça é aquele ponto em que o óleo passa a soltar fumaça a partir de uma determinada temperatura. Isso acontece porque, com a alta temperatura, há uma mudança na sua composição e ele passa a produzir substâncias tóxicas.

É importante respeitar o ponto de fumaça de um óleo para que ele mantenha as suas propriedades nutricionais.

Gorduras saturadas, insaturadas e trans

A gordura saturada é proveniente principalmente de produtos de origem animal e se mantem em estado sólido em temperatura ambiente. Ela aumenta o chamado colesterol “ruim” (LDL) e por isso deve ser consumida em pequenas quantidades.

Já a gordura insaturada é geralmente encontrada em produtos vegetais como olivas, amendoim ou sementes. Possuem gorduras monoinsaturadas e poliinsaturadas em sua composição. Sua aparência é líquida em temperatura ambiente. Ela ajuda a diminuir os níveis de colesterol “ruim”, triglicerídeos e também a pressão arterial.

As gorduras trans aparecem a partir de um processo químico chamado hidrogenação. Esse processo transforma os óleos vegetais líquidos para o estado sólido. Seu consumo deve ser evitado ao máximo.

Quais óleos você não deve usar?

Alguns óleos devem ser evitados, pois, apesar de terem um ponto de fumaça bem alto – o que contribui para a fritura – são diretamente prejudiciais à saúde. Esses são os óleos vegetais hidrogenados como o óleo de soja, o de milho e o de canola.

Muita gente considera algum desses óleos como o melhor óleo para fritura, pois, além do fator ponto de fumaça, não possui muito sabor. No entanto, é preciso considerar o processo de produção deles.

Durante o processo de hidrogenação, o gás hidrogênio é “forçado” no óleo a uma alta temperatura. As empresas passaram a realizar esse processo para aumentar a validade dos produtos.

Por serem hidrogenados, como já dito aqui, os óleos vegetais possuem alto teor de gorduras trans. Além disso, eles produzem colesterol oxidado quando aquecidos, aumentando a formação de tromboxano, um fator que coagula seu sangue, bem como duas toxinas: aldeídos cíclicos e acrilamida.

 

Escolher o melhor óleo para fritura é certamente uma escolha pessoal. Nossa intenção aqui foi mostrar que é possível usar óleos, mas sem deixar de pensar na saúde. Também é importante relembrar que frituras, apesar de deliciosas, não devem ser consumidas com frequência. Mesmo usando óleos mais saudáveis para isso, o consumo excessivo de gordura é e sempre será prejudicial à sua saúde!

 

Esperamos que você tenha gostado do nosso texto! Se tiver alguma dúvida, deixe seu comentário abaixo que nós responderemos! Até a próxima!

Meu nome é Elaine e vou ajudá-lo a encontrar os melhores produtos! 🙂
follow me
Você sabe qual é o melhor óleo para fritura? Descubra aqui!
Taxa contribuição

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário